Notícias

O CER "Tremeu" em Prol da Prevenção Sísmica

2019-11-16
O CER

Respondendo ao desafio lançado pela Autoridade Nacional de Proteção Civil, os alunos do 1.º CEB participaram ontem, dia 15 de novembro, em mais um exercício de sensibilização para o risco sísmico, denominado “A Terra Treme”.

 

Respondendo ao desafio lançado pela Autoridade Nacional de Proteção Civil, os alunos do 1.º CEB participaram ontem, dia 15 de novembro, em mais um exercício de sensibilização para o risco sísmico, denominado “A Terra Treme”.

 

O evento - já na sua 7.ª edição – decorre, anualmente, no âmbito do Dia Internacional para a Redução das Catástrofes, instituído pela Assembleia Geral das Nações Unidas, em 1989.

 

Entre outros objetivos, pretende-se com a realização deste exercício alertar e sensibilizar a população sobre como agir ANTES, DURANTE e DEPOIS da ocorrência de um sismo, colocando em prática três gestos simples, mas que podem salvar vidas, a saber: BAIXAR, PROTEGER e AGUARDAR.

 

Embora o evento abranja todos os cidadãos, os organizadores voltaram, uma vez mais, a colocar especial enfoque na comunidade educativa, nomeadamente nos alunos do Ensino Básico, “por ser um segmento da população muito recetivo e permeável à mensagem subjacente à iniciativa”, e que “altera mais facilmente comportamentos e atitudes face ao risco, demonstrando capacidade para influenciar, por via do contacto com os mais velhos, mudanças idênticas noutros segmentos e grupos da população”.

 

“Muitas zonas do globo são propensas a sismos e Portugal é um território com zonas particularmente sensíveis a este risco”, alerta ANPC.

 

Assim, durante um minuto, um pouco por todo o país, os alarmes soaram e no CER não foi diferente. Às 11h15 em ponto, os alunos dos diferentes anos de escolaridade viram as aulas interrompidas, tendo tido necessidade de procurar abrigo debaixo das mesas. Felizmente, tudo não passou de um “susto”!

 

Mais tarde, com a ajuda das professoras, ficaram a saber que apesar dos avanços tecnológicos ainda não é possível prever a ocorrência de sismos. No entanto, para diminuir o impacto destes acontecimentos naturais podem-se adotar algumas medidas preventivas.

 

Seja em casa ou em qualquer outro edifico, na rua ou no jardim, o importante é avaliar com atenção o que se passa à nossa volta, manter a calma e não nos precipitarmos se ficarmos presos, evitando locais com grande concentração de pessoas. Só assim é possível minimizar riscos e acidentes desnecessários! 

 

Fotografias:

 

        

        


Voltar »